Por que viajar sozinho? Confira 3 opções de lugares

Cansado de ficar horas decidindo roteiro, onde comer e o que fazer? Então, você veio ao lugar certo!
  | Leitura: 4 min
24 de janeiro de 2022

Cansado de ficar horas decidindo roteiro, onde comer e o que fazer? Então, você veio ao lugar certo! Neste texto, vamos dar alguns motivos para viajar sozinho e, ainda, 3 opções de destinos para viajar sozinho e se aventurar por aí.

Vamos falar das vantagens da liberdade, das possibilidades de autoconhecimento, de fazer amigos e, até, aprender um novo idioma. Apresentaremos três roteiros diferentes, mas muito charmosos para você conhecer Córdoba, na Argentina, Cambará do Sul, no Rio Grande do Sul, e Curitiba, no Paraná.

Preparado para essa aventura? Então, pega a mochila e prepare já a sua viagem.

Por que viajar sozinho?

Muitas vezes, viajar sozinho pode parecer assustador por não se ter com quem dividir experiências. Mas já pensou que isso pode ser libertador por ser o momento em que você pode exercer suas vontades em lugares diferentes e fazer novos amigos?

Viajando sozinho, você decide a hora de sair, chegar, parar ou andar sem rumo. Sozinho, você sente a necessidade de interagir com as pessoas locais (ou não), faz novas amizades e ainda se arrisca a aprender um novo idioma — já que a necessidade de se comunicar por estar sozinho vai falar mais alto.

Para onde viajar sozinho?

Pensando nisso, elaboramos três opções de roteiros para você cair na estrada sozinho pela primeira vez. Confira!

1. Córdoba, na Argentina

Que tal começar a viajar sozinho por um país diferente, mas com idioma fácil de lidar, não tão distante, mas com um roteiro muito charmoso? Se você gostou da ideia, prepare-se agora mesmo para ir a Córdoba, na Argentina.

A cidade fica a 700 km de Buenos Aires, foge dos roteiros óbvios da capital e chama atenção com as belezas arquitetônicas de Rosário, as vinícolas de Mendoza e o seu ar jovial. Vale a visita.

2. Cambará do Sul

Se você não quer ir tão longe, fique por aqui mesmo e vá a Cambará do Sul, no Rio Grande do Sul. Porta de entrada de dois parques nacionais — Serra Geral e Aparado da Serra —, é o destino perfeito para quem curte a vida na natureza, ao ar livre e está a fim de embarcar em uma jornada de autoconhecimento e contemplação.

O local oferece bônus extra para você curtir cachoeiras, como a do Tigre Preto, cânions como o do Itaimbezinho, mas sem passar perrengue, já que oferece ótima infraestrutura.

Para lugares com climas mais frios, tenha sempre uma jaqueta ou casaco bem equipado! Clica aqui para ver vários modelos de casaco para viajar sozinho.

3. Curitiba

Se você não faz muito a linha turismo ecológico, mas ainda gostaria de ficar aqui pelo Brasil, vá a Curitiba, no Paraná.

A capital é ótimo destino para quem vai viajar sozinho, é uma das cidades com o melhor índice de desenvolvimento humano do país e vai oferecer segurança, infraestrutura e atrações turísticas como o Jardim Botânico, o Parque Tanguá, o Museu Oscar Niemeyer e a Feira Gastronômica do Batel.

Tudo para você aproveitar o que de melhor a cidade oferece e ainda conhecer gente.

Para viajar sozinho, uma boa mochila com bastante espaço faz toda a diferença! Veja alguns modelos de mochilas e acessórios da Reserva para quem quer viajar sozinho.

Como se vestir?

Agora que você já tem uma ideia de viagem e três possibilidades de roteiro, precisa saber o que levar na mala ou na mochila. A primeira dica a ser considerada é saber que tipo de viagem você vai fazer: ecológica, urbana, vai caminhar muito?

Nesse sentido, escolha looks que vão colaborar na sua jornada, que sejam confortáveis, tenham a ver com o clima do lugar (casaco se estiver frio, sunga para pegar uma cachoeira) e calçados que sejam adequados para a natureza (se for o caso) e para caminhar pela cidade.

Como vimos, viajar sozinho pode ser uma grande aventura e, além de oferecer novas paisagens para os olhos, oferece descobertas de autoconhecimento, de um novo idioma ou novas amizades.

Além disso, livra você da eterna chatice de depender de uma outra pessoa para fazer os passeios ou decidir um simples jantar. Arrisque-se em roteiros locais ecológicos como o de Cambará do Sul, urbanos, como o de Curitiba, ou internacionais, mas pertinho, como o de Córdoba. E capriche nos looks na hora de pôr o pé na estrada.

Agora que você já viu dicas de como viajar sozinho, que tal conferir como organizar uma mala de viagem?

COMPARTILHE O POST:

No data was found

Inscreva-se na nossa newsletter

e fique por dentro de todas as novidades!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.